sexta-feira, 23 de agosto de 2019

Para Bolsonaro, Macron ‘evoca mentalidade colonialista’

O presidente Jair Bolsonaro classificou no Twitter a convocação do presidente francês, Emmanuel Macron, para que o G-7 discuta a chamada “crise internacional” das queimadas na região amazônica de “mentalidade colonialista descabida no século XXI”. Bolsonaro ainda lamentou que Macron faça a convocação “sem a participação dos países da região”. Segundo o presidente, a intenção do mandatário europeu é alcançar “ganhos políticos pessoais” ao “instrumentalizar” uma questão interna do Brasil. Em live nesta quinta, 22, Bolsonaro chamou de “desfaçatez” o fato de Macron ter se referido à Amazônia como “nossa”. https://www.fabiocampana.com.br

- Lamento que o presidente Macron busque instrumentalizar uma questão interna do Brasil e de outros países amazônicos p/ ganhos políticos pessoais. O tom sensacionalista com que se refere à Amazônia (apelando até p/ fotos falsas) não contribui em nada para a solução do problema.
- O Governo brasileiro segue aberto ao diálogo, com base em dados objetivos e no respeito mútuo. A sugestão do presidente francês, de que assuntos amazônicos sejam discutidos no G7 sem a participação dos países da região, evoca mentalidade colonialista descabida no século XXI.*49,7 mil*19:36 - 22 de ago de 2019*Informações e privacidade no Twitter Ads*17,1 mil pessoas estão falando sobre isso






Nenhum comentário:

Postar um comentário