> TABOCAS NOTICIAS : Jogador paraguaio pode ser punido por 'mostrar demais' durante comemoração de gol



quinta-feira, 31 de dezembro de 2020

Jogador paraguaio pode ser punido por 'mostrar demais' durante comemoração de gol

Foto: Reprodução / Tigo Sports
O jogador paraguaio Raúl Bobadilla pode ser punido pelo Tribunal de Disciplina da Associação Paraguaia de Futebol por um incidente incomum em campo durante o Campeonato Paraguaio. O atacante marcou um dos gols do Guaraní-PAR na última partida da equipe e acabou se equivocando na comemoração, abaixando o calção além da conta. 

O caso aconteceu na quarta-feira da semana passada (23) quando o Guaraní-PAR venceu o Libertad por 3 a 1 nas quartas de final da competição nacional. Marcando o último gol da sua equipe nos minutos finais do segundo tempo, Raúl Bobadilla correu para celebrar tirando a camisa e abaixando o calção em frente às câmeras, quase deixando suas partes íntimas à mostra.   https://www.bahianoticias.com.br/esportes

Apesar do árbitro não ter relatado o acontecimento na súmula de jogo, a repercussão das imagens das redes sociais nos últimos dias fez com que o Tribunal de Disciplina da Associação Paraguaia de Futebol abrisse uma investigação sobre o ocorrido. O julgamento do caso pode resultar em multa ou levar a suspensão de Raúl Bobadilla por alguns jogos, mas a sanção só deve sair em 2021.

Em entrevista à rádio ABC Cardinal, o atacante do Guaraní-PAR, Bobadilla comentou o incidente. “Me arrependo da minha comemoração, espero que minha mulher não tenha visto, porque ela vai brigar comigo. Minha calça abaixou um pouco. O que Pollo [Jorge Recalde] fez foi diferente. Que minha mulher fique tranquila, porque é tudo para ela”, declarou o atacante.

O caso Pollo, comentado pelo jogador, é sobre o meia Jorge “Pollo” Recalde, do Olimpia, que em março deste ano comemorou um gol com gesto obsceno. Na ocasião, o atleta colocou as mãos no pênis e apontou para a torcida. Pollo foi expulso da partida, que estava sendo disputada contra o River Plate, e ficou suspenso por mais quatro jogos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário