quarta-feira, 29 de abril de 2015

CAMACAN-BA: Após 50 dias de greve, professores bloqueiam BR

Professores da rede municipal de Camacan a 90 km de Itabuna entraram no 50º dia de greve nesta quarta-feira (29). Desde ontem, os educadores bloqueiam acessos à cidade para pressionar o governo. Já nesta quarta, os profissionais bloquearam o acesso a Camacan pela BR-101, ateando fogo em barricada. Os educadores cobram da prefeitura o pagamento do piso nacional do magistério. Desde janeiro, o piso saltou de R$ 1.697,39 para R$ 1.917,78 com o reajuste de 13,01%. A prefeitura ainda não se posicionou oficialmente sobre os protestos. O município acenou até agora com pouco mais de 6% de reajuste. A proposta é rejeitada pelos profissionais. (Blog do Tom)

Nenhum comentário:

Postar um comentário