terça-feira, 31 de maio de 2016

Amiga de Dilma mantém emprego na Petrobras e salário de quase R$ 60 mil

Elisabeth Böhm conhece a presidente desde os tempos da ditadura
SAMANTHA LIMA
Presidente Dilma Rousseff (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
É grande a chance de o novo presidente da Petrobras, Pedro Parente, dar de cara com uma amiga da presidente Dilma Rousseff na assessoria jurídica: Elisabeth Böhm. Ela e Dilma se conhecem desde os tempos da ditadura. Reaproximaram-se em 1999, no governo do Rio Grande do Sul, e filiaram-se ao PT no mesmo dia: 18 de março de 2001. Como ministra de Minas e Energia em 2003, Dilma nomeou Beth assessora especial. Mais tarde, Beth acompanhou Graça Foster na presidência da Petrobras e permaneceu por lá com a chegada de Aldemir Bendine. Beth tem um salário especialíssimo: cerca de R$ 60 mil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário