terça-feira, 30 de junho de 2015

Lula toma café com políticos do PT e do PMDB e diz não achar oportuno fim de reeleição

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva reuniu-se para um café da manhã, nesta terça-feira (30), na residência oficial parlamentares do PT e do PMDB, incluindo o presidente do Senado, Renan Calheiros. De acordo com Renan, Lula deu sugestões e defendeu pontos de vista sobre a reforma política, como a manutenção do instituto da reeleição. “Entre outras coisas, ele disse que não achava oportuno o fim da reeleição. Ele entende que o mandato de quatro anos é um mandato muito curto para não ter reeleição. Se fosse um mandato de cinco, tudo bem, mas ele acha difícil a extensão dos mandatos para cinco anos”, disse Renan ao chegar ao Senado. A proposta de reforma política aprovada na Câmara prevê o fim da reeleição para os cargos do Poder Executivo (presidente, governador e prefeito), além da duração de cinco anos para todos os cargos eletivos (vereadores, deputados, prefeitos, senadores, governadores e presidente) a partir de 2022, com regra de transição para senadores. BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário