sábado, 17 de junho de 2017

Menina de 1 ano morre após falta de combustível em duas ambulâncias do Samu

Heloísa havia acabado de completar 1 ano | Foto: Arquivo Pessoal/Edilaine Mathias
Uma menina de 1 ano morreu por complicação de uma pneumonia em Joinville, no norte de Santa Catarina, depois de levar mais de 15 horas para ser transferida de hospital. Segundo a família, houve falta de combustível em duas ambulâncias acionadas para transportar a criança, como mostrou o RBS Notícias. 

Heloísa, que tinha acabado de completar um ano, havia sido internada no Hospital São Vicente de Paulo, de Mafra, na última quarta-feira (7). Na quinta-feira (8), o quadro piorou. 

Como o hospital não tem UTI infantil, foi pedida a transferência dela para o Hospital Infantil de Joinville, mas o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) do município disse que faltava combustível. 

Assim como o hospital, a família chegou a se oferecer para pagar combustível para a ambulância, mas diz que o Samu informou não poder aceitar. “Eles negaram pra gente, falaram que nenhum terceiro pode abastecer as ambulâncias do Samu”, contou o pai da menina, Alexandro Ferreira da Silva Lisboa. 

A criança chegou ao hospital [de Joinvile] cerca 15 horas depois do pedido de transferência. Ela foi internada, mas sofreu a terceira parada cardíaca ao meio-dia de sábado (10) e não resistiu. Os pais registraram boletim de ocorrência e o caso será investigado pela Polícia Civil. O Ministério Público também vai abrir um procedimento para investigar.  Do Portal NS

Nenhum comentário:

Postar um comentário