domingo, 31 de dezembro de 2017

Temer, um homem de palavra(?)

A imprensa está divulgando declarações de autoridades que não se transformaram em realidade. Aí vai uma do nosso presidente:

"Ministro denunciado será afastado. Se houver denúncia, o ministro denunciado será afastado provisoriamente. Depois, se acolhida a denúncia, o afastamento é definitivo. Portanto, eu faço essa declaração para dizer que o governo não quer blindar ninguém. E não vai blindar".

A declaração foi feita pelo presidente Michel Temer em fevereiro. Em setembro, os ministros Eliseu Padilha, da Casa Civil, e Moreira Franco, da Secretaria Geral, foram denunciados pela Procuradoria Geral da República (PGR) pelos crimes de organização criminosa e obstrução da Justiça. Estão nos cargos até hoje, e são os que mais se reúnem com o chefe do Executivo. Nem provisoriamente foram afastados. Temer é mesmo um homem de palavra. por Airton Leitão 

Nenhum comentário:

Postar um comentário