domingo, 31 de dezembro de 2017

Gabriel Jesus se lesiona e Ederson defende pênalti em empate do City com o Palace

por Estadão Conteúdo**Foto: Reprodução / Twitter
Escalado como titular do Manchester City no seu último jogo no ano, Gabriel Jesus ficou muito pouco tempo em campo. Ainda no primeiro tempo, o brasileiro precisou ser substituído por causa de uma lesão no joelho direito e sob lágrimas no duelo que terminou empatado em 0 a 0 com o Crystal Palace, fora de casa, pela 21ª rodada do Campeonato Inglês.

A igualdade encerrou uma sequência de 18 vitórias do líder Manchester City, mas o fim da série acabou sendo ofuscada pela lesão do atacante brasileiro. O lance ocorreu aos dez minutos, quando Gabriel Jesus dominou a bola e caiu no campo ao tentar girar o corpo para se desvencilhar do adversário.

O brasileiro ainda permaneceu em campo por alguns minutos, mas depois deixou o gramado chorando, o que aumentou a preocupação com a possibilidade de se tratar de uma grave lesão, o que só poderá ser determinado com a realização de exames médicos.

Apesar do fim da impressionante sequência, o Manchester City segue disparado na dianteira do Campeonato Inglês, com 59 pontos e 14 de vantagem para o segundo colocado Chelsea. Já o Crystal Palace, na luta contra o descenso, chegou aos 19 pontos, na 17ª posição.

O tropeço poderia até ter sido pior para o Manchester City, pois o time da casa teve um pênalti nos minutos finais do duelo, após Sterling derrubar Saha na grande área. Mas, aos 45, Ederson defendeu com os pés a cobrança de Milivojevic, conseguindo manter a invencibilidade do seu time na competição, agora com 19 triunfos e dois empates.

Além da perda da série de vitórias e da lesão de Gabriel Jesus, o time de Pep Guardiola deixou o jogo com outra preocupação, pois Kevin de Bruyne, principal destaque da excelente campanha da equipe, também saiu do jogo antes do fim, sob a suspeita de ter se contundido. O problema se deu no contra-ataque após Ederson defender o pênalti, com o belga sofrendo entrada dura e deixando o duelo de marca e aparentemente com a perna direita imobilizada.

Antes disso, o Manchester City enfrentou dificuldades com a marcação do Crystal Palace, mesmo com a aposta de Guardiola em um trio ofensivo de velocidade, formado por Bernardo Silva, Gabriel Jesus e Sané. E o substituto do brasileiro, o argentino Agüero, quase abriu o placar ainda na etapa inicial, em uma finalização que acertou a trave adversária.

No segundo tempo, o City deu trabalho ao goleiro Hennessey, mas também viu Townsend desperdiçar uma chance incrível pelo time londrino. Assim, a partida terminou mesmo empatada, com a participação decisiva de Ederson e a preocupação do time de Manchester com as situações de Gabriel Jesus e De Bruyne.

O Manchester City voltará a jogar na próxima terça-feira, quando receberá o Watford pela 22ª rodada do Inglês. No mesmo dia, o Crystal Palace será visitante contra o Southampton.

Nenhum comentário:

Postar um comentário