quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Líder do PSDB no Senado pede adiamento de decisão sobre afastamento de Aécio Neves

por Ailma Teixeira
Foto: Jefferson Rudy / Agência Senado
O Senado decidiria na manhã desta quinta-feira (28) se acataria a determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) de afastar o senador Aécio Neves (PSDB-MG), mas, para acatar o pedido das lideranças partidárias, a votação pode ser adiada para a próxima terça-feira (3). Com a palavra, o senador Paulo Bauer (PSDB-SC) justificou o pleito em decorrência da falta de quórum. Segundo ele, apenas 47 dos 81 parlamentares registraram presença no plenário. "Por isso, o PSDB tem intenção de ver essa matéria, mas não necessariamente a urgência pede que a votação seja no dia de hoje", frisa Bauer. Sem protestos das demais lideranças, o presidente da Casa, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), deve acatar o pedido. Assim, na sessão de hoje será votado apenas o requerimento do ofício 4.308/T. BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário