sábado, 5 de agosto de 2017

Ex-jogador do Vasco, Ernani vai a júri popular

Ernani, que teve passagem pelo Vasco, vai a júri popular por acidente de carro que deixou um homem paraplégico em 2010.
O ex-lateral-esquerdo Ernani Germano, que já passou por clubes como Vasco, Guarani, Macaé-RJ e Juventude, será levado a júri popular por um acidente de carro em 2010 que deixou um homem paraplégico. Segundo o Tribunal de Justiça do Rio (TJRJ), os desembargadores da 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro negaram, por unanimidade, o recurso da defesa que tentava livrar o jogador de um julgamento com júri popular.

Segundo a assessoria de comunicação do Tribunal de Justiça do Rio, ainda não há prazo e local definido para a realização do julgamento do jogador, que, em 2009, participou do título da Série B do Campeonato Brasileiro com o Vasco.

De acordo com informações do processo, Ernani trafegava na contramão da Avenida Armando Lombardi, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, quando se chocou de frente com o carro da vítima. Segundo as investigações, Ernani não tinha carteira de habilitação na época.

Ainda segundo o processo, há indícios de que o jogador conduziu o carro na contramão por mais de 10 minutos antes do acidente.

“O recorrente teve tempo e distância suficiente, portanto, para voltar à sua correta direção ou estacionar o veículo no canteiro central da movimentada avenida na Barra da Tijuca, o qual, frise-se, era baixo e permitia a referida manobra. O recorrente assumiu o risco do resultado ao dirigir sem habilitação e agressivamente”, disse a desembargadora Gizelda Leitão Teixeira, relatora do recurso.

Procurada pela equipe de reportagem do GloboEsporte.com, a assessoria de imprensa do jogador informou que ele não vai se pronunciar sobre o caso.

Nascido em São João da Barra, no Norte Fluminense do estado, Ernani Germano ganhou destaque com a camisa do Americano-RJ e passou por clubes como Vasco, Juventude, Macaé e Ypiranga-RS. A última equipe do jogador foi o Guarani, de Campinas, onde foi dispensando antes do início da Série B do Brasileiro deste ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário