terça-feira, 1 de agosto de 2017

Chamado de "gangue virtual", MBL avisa que vai processar Veja

Em matéria de capa de sua última edição, a revista Veja cita o Movimento Brasil Livre – MBL como “gangue virtual” do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), ao abordar o tema “como ativistas e candidatos de direita e esquerda se organizam para hostilizar e intimidar seus críticos nas redes sociais – e o impacto que eles podem ter em 2018”. Em resposta ao conteúdo publicado, a organização declarou, por meio de sua fan page, que irá processar o veículo da Editora Abril.

A informação é do portal Comunique-se. Leia tudo:

“A revista Veja passou de todos os limites! Agora, militar em prol de suas ideias na internet, segundos eles, é sinônimo de ser uma gangue. Iremos processar todos que nos ofenderem dessa maneira”, informou o movimento.

Além de Doria, a reportagem em questão traz na capa o ex-presidente Lula (PT) e o deputado federal pelo Rio de Janeiro Jair Bolsonaro (que está em vias de trocar o PSC pelo PEN). O conteúdo fala sobre como os seguidores e fãs destes políticos utilizam as redes sociais para intimidar e difamar quem os critica.  CLIQUE AQUI para ler tudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário