quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Sem ‘pedalada’, rombo em contas do governo cresce 140% em julho

Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas
O déficit nas contas do governo federal chegou a R$ 18,6 bilhões em julho. De acordo com a Folha de S. Paulo, esse valor representa aumento de 140% em relação ao mesmo período do ano passado, mesmo com o desconto da inflação. O valor alto seria reflexo do pagamento semestral de subsídios para bancos públicos, que no mês passado representou menos R$ 9,2 bilhões nos cofres públicos. A publicação aponta que o governo adotou uma nova regra de pagamentos realizados duas vezes por ano para acabar com as chamadas “pedaladas fiscais”. Segundo dados divulgados nesta terça-feira (30) pelo Tesouro Nacional, o déficit acumulado em 12 meses, até julho deste ano, já alcançava R$ 163,3 bilhões. O valor é R$ 10 bilhões mais alto que o verificado até junho e bem próximo ao déficit máximo autorizado pelo Congresso Nacional para este ano, de R$ 170,5 bilhões. BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário