segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Caminhoneiros rumam a Brasília e podem iniciar greve nos dias 29 e 30

Caminhoneiros descontentes com a atual situação do transporte rodoviário no país, que hoje tem fretes defasados em mais de 20%, rumam a Brasília para começarem uma manifestação visando a aprovação em caráter de urgência do projeto de lei 528 de 2015, dos deputados Assis do Couto (PDT/PR) e Celso Maldaner (PMDB/SC), e que está parado no Senado Federal.

O projeto tem como principal objetivo a criação da Política de Preços Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas, que visa estabelecer um valor mínimo para os fretes rodoviários, que hoje tem sido cada vez mais reduzidos devido à grande oferta de caminhões. O impulsionamento das vendas por meio do governo via BNDES criou uma bolha, com um excesso de caminhões nas estradas, e que hoje, pelo enfraquecimento da economia, faz com que os preços dos fretes estejam em patamares mínimos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário