quarta-feira, 31 de julho de 2019

ITAGI-BA: Justiça decreta prisão do acusado de matar namorada durante ato sexual; autor já está no presidio

O homem suspeito de matar a namorada de 19 anos durante o ato sexual, na cidade de Itagi, no sul da Bahia, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça. Ele foi encaminhado para o Conjunto Penal de Jequié, na região sudoeste. A informação foi confirmada pelo Delegado Moabe Lima, responsável pelo caso, nesta terça-feira (30).

O crime ocorreu no domingo (28). Joseph Antuann Santos Torres é suspeito de matar a namorada depois deles passarem a tarde juntos em casa da família do rapaz, onde o casal morava, na Rua Geraldo Chagas, no bairro Baixa da Colina, por volta das 23h. Durante a prisão, ele confessou o crime.

Joseph foi preso em flagrante na madrugada de segunda-feira (29), quando foi encaminhado para a Delegacia de Ipiaú. O decreto da prisão preventiva saiu nesta terça, depois que o homem foi ouvido em um audiência de custódia.

Caso - De acordo com a polícia, inicialmente, Joseph negou envolvimento com o caso mas, em seguida, confessou que matou a vítima durante a relação sexual. Ele alegou, contudo, que a morte da jovem teria sido acidental, e que o casal tinha costume de praticar violência mútua durante o sexo, em comum acordo. Segundo o suspeito, durante a relação, ele esganou e bateu na vítima. Em determinado momento, ela ficou desacordada e morreu em seguida. G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário