quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Magno Malta “magoado e machucado”

Magno Malta passou de preferido a rejeitado num apurar de urnas.

A Coluna do Estadão noticia que ele deixou Brasília dizendo estar “magoado e machucado”, após ter sido preterido mais uma vez por Bolsonaro. 

A facada da vez foi a indicação de Osmar Terra para o Ministério da Cidadania.

Malta reclamou de estar entre os últimos a serem convocados. “Vou receber a marmita?”. 

Ele não foi reeleito e acusa os filhos de Bolsonaro e o general Hamilton Mourão pelo veto ao seu nome. (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)

Nenhum comentário:

Postar um comentário