domingo, 31 de dezembro de 2017

Pesquisa aponta que 46% dos alemães querem renúncia de Angela Markel

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil
Uma pesquisa realizada pelo Instituto Civey para o jornal Die Welt aponta que a popularidade da chanceler alemã Angela Merkel está em baixa. Os dados indicam que 46% da população quer sua renúncia imediata. Outros 17% dos entrevistados defendem que ela deveria renunciar ao comando do governo, caso fracassem as negociações de janeiro entre o grupo parlamentar comandado pela União Democrata-Cristã (CDU) e o Partido Social-Democrata (SPD), liderado por Martin Schulz, para a formação de uma nova grande coalizão. Os números apontam também que 8% dos alemães consideram que Angela Merkel deveria deixar o cargo no meio do mandato. Somente 15% da população defende que ela permaneça por mais quatro anos no comando do governo. A pesquisa, que foi realizada com 5.120 pessoas entre 28 e 30 de dezembro, tem margem de erro de 2,8%.  BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário