domingo, 13 de agosto de 2017

Sem provas, Eike Batista não consegue avançar em proposta de delação

Foto: Marcello Casal Jr./ Agência Brasil
Além do acordo de delação premiada do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), cujas negociações foram encerradas pela Procuradoria-Geral da República, outra que anda emperrada é a do empresário Eike Batista. Segundo informações da coluna Radar On-Line, da revista Veja, faltam provas para comprovar as acusações feitas por ele. Nas propostas de delação, Batista promete implicar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-ministro Guido Mantega e o ex-governador do Rio, Sergio Cabral. BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário