sábado, 5 de agosto de 2017

Fachin adia julgamento de Collor

Edson Fachin acatou o pedido de Fernando Collor para adiar o seu julgamento no caso da BR Distribuidora. Ele é investigado por supostamente ter recebido R$ 30 milhões em propinas junto com a mulher. A defesa argumentou não ter sido respeitado o prazo de cinco dias úteis entre a publicação da pauta e a sessão de julgamento. Com isso, o caso só será avaliado no dia 15 de agosto. As informações são de Juliana Braga n’O Globo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário