quarta-feira, 2 de agosto de 2017

E se Temer vencer?

Foto: Alan Santos/PR
Se Michel Temer conseguir driblar a denúncia de Rodrigo Janot hoje, não podemos esquecer de que isso não apaga os fatos. Até o PSDB, que foi uma das legendas que mais apoiaram a presidência de Temer, chegará ao final desta etapa completamente estilhaçado, com grupos que se pronunciaram a favor da denúncia. O que, trocando em miúdos, significa que cargos importantes serão divididos entre outros partidos que se mostraram fiel a Temer durante a tempestade.
Resistindo às pedradas de hoje, o presidente terá que repensar as bases e uma nova briga começará: pelos cargos e mais cargos que fazem crescer os olhos de parlamentares do PP, PR, PTB e PSD.

Nenhum comentário:

Postar um comentário