domingo, 6 de agosto de 2017

Depois de derrota e pressão, Zé Ricardo é demitido do cargo de técnico do Flamengo

Treinador não resistiu a mais um resultado negativo do Rubro-Negro
Gazeta Press
Zé Ricardo foi efetivado como técnico do time do Flamengo em julho do ano passadoO cargo de técnico do Flamengo está vago. Isto, porque Zé Ricardo foi demitido após reunião na noite deste domingo, horas depois da derrota por 2 a 0 para o Vitória, em plena Ilha do Urubu, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O revés em casa foi o estopim para a demissão do treinador, que vinha sendo muito criticado por torcida e dirigentes rubro-negros pela campanha aquém do esperado no Brasileirão, do qual o clube é o quinto colocado, com 29 pontos, 18 a menos que o líder Corinthians.

Com 46 anos, Zé Ricardo era o “protegido” do presidente Eduardo Bandeira de Melo, que não resistiu às pressões interna e externa. Com um dos maiores investimentos do Brasil, o Flamengo ainda amargou a precoce eliminação na fase de grupos da Copa Libertadores da América, principal competição no calendário de 2017 da equipe.

Com 46 anos, Zé Ricardo era o “protegido” do presidente Eduardo Bandeira de Melo, que não resistiu às pressões interna e externa. Com um dos maiores investimentos do Brasil, o Flamengo ainda amargou a precoce eliminação na fase de grupos da Copa Libertadores da América, principal competição no calendário de 2017 da equipe.

Efetivado ao cargo de técnico do Flamengo em julho do ano passado, Zé Ricardo deixa o clube com um aproveitamento de 63,7%. Foram 48 vitórias, 25 empates e 16 derrotas. Seu auge à frente do comando da equipe se deu em 2016, quando o Rubro-Negro disputou o título brasileiro com o Palmeiras praticamente rodada a rodada, mas acabou vice-campeão do torneio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário