sábado, 5 de agosto de 2017

BA: Promotor acusado de assédio pode ser promovido a procurados de Justiça

Sena está na nova lista de antiguidade aprovada pelo Conselho Superior do MP
Acusado de estuprar e assediar sexualmente servidoras quando era secretário de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos da Bahia, o promotor Almiro Sena pode ser promovido ao cargo de procurador de Justiça do Ministério Público estadual (MP). A informação é da Coluna Satélite do CORREIO. Preso em regime domiciliar, Sena está na nova lista de antiguidade aprovada pelo Conselho Superior do MP na terça-feira passada. Ele aparece em 33º lugar na fila de promotores de entrância final com possibilidade de chegar ao topo da carreira por tempo de serviço. Como ainda não foi condenado à perda de função pública, Sena tem direito legal à promoção caso se torne o mais antigo da relação. Diferente dos promotores, que atuam em processos julgados na primeira instância, os procuradores representam o MP nas ações com grau de recurso junto ao Tribunal de Justiça.
TN: Se fosse um pobre ou preto não seria acusado, seria tratado como estuprador mesmo ! Neste país é a assim que funciona.

Nenhum comentário:

Postar um comentário