sexta-feira, 11 de agosto de 2017

BA: Após boatos de toque de recolher, segurança é reforçada em Catu e Alagoinhas

por Francis Juliano
Catu / Foto: Reprodução / Wikipédia
Boatos de toque de recolher via WhatsApp nas cidades de Catu e Alagoinhas, no agreste baiano, alarmaram moradores das duas cidades desde a noite desta quinta-feira (10). Devido ao temor, policiais civis e militares já estão na manhã desta sexta-feira (11) nos dois municípios. O deslocamento dos agentes foi confirmado ao Bahia Notícias pela coordenadora da 2ª Coorpin, de Alagoinhas, Lélia Raimundi. “Divulgaram áudios tentando amedrontar a população, mas já reforçamos a segurança tanto em Catu como em Alagoinhas”, disse Raimundi. Os boatos de toque de recolher ocorrem após a morte do traficante Marcelo Batista, o Marreno, líder da facção Bonde do Maluco. Ele e Anselmo Nascimento Sena, que servia de motorista de Marreno, foram mortos em confronto com uma Força-Tarefa da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), na última quarta-feira (9) após ação em um trecho da rodovia Via Parafuso, no Litoral Norte baiano. Marreno, um dos alvos prioritários da SSP, tinha passagens por roubo a banco e tráfico de drogas, além de participação em vários homicídios. BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário