sexta-feira, 21 de julho de 2017

ILHÉUS-BA: Usuários de crack ocupam parte da área do posto de saúde do bairro Hernani Sá

Usuários de crack ocupam parte da área do posto de saúde do bairro Hernani Sá, na zona sul de Ilhéus. A presença deles é tão constante que os servidores já chamam o local de “cracolândia”. Eles se apossaram das instalações inacabadas do posto. O governo Jabes Ribeiro não concluiu a reforma da unidade de saúde, que se estende há quatro anos. Como não há muro nem cerca, os usuários têm acesso livre às construções do terreno. Além de usarem drogas, mantêm relações sexuais, brigam e defecam no local. Tudo isso ocorre à luz do dia e diante dos funcionários e pacientes. A enfermeira e porta-voz da Rede Sustentabilidade, Juliana Rocha, relata que desde janeiro tem encaminhado relatórios sobre a situação da unidade à Secretaria de Saúde. Ela trabalha no posto e denunciou o caso a este blog na manhã desta quinta-feira (20). Segundo a enfermeira, os usuários de crack precisam receber algum tipo de assistência. Por outro lado, os servidores da unidade temem pela própria segurança. Isso porque os dependentes químicos também frequentam a parte do posto que está em funcionamento. Bebem água, usam o banheiro e, às vezes, agem de forma agressiva. Também já fizeram ameaças aos profissionais de saúde. Juliana Rocha avalia que todo o terreno do posto deve ser protegido com uma cerca, mesmo antes da conclusão da reforma, para a segurança dos servidores e pacientes. (Blog do Gusmão)

Nenhum comentário:

Postar um comentário