segunda-feira, 17 de julho de 2017

Casal transgênero comemora nascimento do filho biológico

Foto: arquivo pessoal
Uma família diferente, sem preconceitos, onde foi o pai quem deu a luz ao filho.
O transgênero Trystan Reese e seu parceiro, Biff Chaplow, anunciaram o nascimento de seu primeiro filho biológico.
Para que a gravidez fosse possível, Trystan, que nasceu mulher, suspendeu a ingestão de testosterona para poder engravidar.

Ele revelou em uma rede social que o menino, que se chama Leo, nasceu na noite de sexta-feira (14) com mais de 4kg.
Em uma rede social, eles apresentaram o novo integrante da família: “Pai grávido, nove meses, um bebê e uma família muito feliz”.
Juntos há sete anos, Trystan e Biff já tinham dois filhos, adotados em 2011.

Moradores de Portland, em Oregon, nos Estados Unidos, eles sempre tiveram o sonho de ter um filho biológico.
A equipe médica precisou passar por um treinamento para acompanhá-los da melhor forma.

Os pais e os filhos adotivos 
Foto: Arquivo Pessoal
De bem com o próprio corpo

Em vídeo publicado em sua página no Facebook, e reproduzido pela rede americana CNN, Trystan, de 34 anos, contou como foi a transição de gênero e que nunca quis ter um corpo igual ao do parceiro.
“Eu dizia que era um homossexual em um corpo de mulher. Nunca quis ter um corpo de transexual. Estou bem sendo um homem que tem útero, que tem capacidade de ter um bebê”, afirmou.
Com relação à maternidade, Trystan diz que a aceitação de sua condição, e principalmente de seu corpo, o ajudaram a encarar com tranquilidade a gravidez:

“Eu sou feminista. Penso que as mulheres são impressionantes e não acho ruim ser mulher.
Só não aconteceu de ser como eu era por dentro, e isso não me faz sentir menos homem.
Sou só um homem que decidiu ter um bebê”.  Com informações do Uol

Nenhum comentário:

Postar um comentário