quarta-feira, 5 de julho de 2017

Cabra que sofre de ansiedade só se acalma depois de vestir fantasia de pato

Por mais estranho que pareça, os animais também sofrem de ansiedade e síndrome de pânico. De acordo com o veterinário da DrogaVET, Ricardo Souza, a ansiedade pode ser comum em animais domésticos devido ao maior contato com o dono. Quando deixados sozinhos por horas, uma crise pode se iniciar.

Os sintomas são específicos para cada tipo de pet. Os cachorros, por exemplo, podem roer cantos de parede, arranhar a porta depois que o dono se ausenta, lamber as patas até machucá-las e até fazer xixi em locais proibidos ou em objetos de uso pessoal do dono. Já os gatos podem arranhar objetos ou ficar apáticos – quando o animal se isola, ficando sem comer e beber.

Cabra Polly
Um caso muito curioso foi o da cabra Polly. A família que a adotou descobriu que ela sofria de um grave caso de ansiedade. Além disso, o animal tem problemas neurológicos, está cego e abaixo do peso. 

Segundo a dona, Leanne Lauricella, a cabra ficava correndo de um lado para o outro e chorava quando não conseguia vê-la. Quando a crise não era controlada, Polly comia a parede da casa.

No entanto, a fantasia de pato comprada pela dona para vestir o animal, deixou Polly mais segura e confiante. Sempre que a cabra fica agitada, a saída é vesti-la com a roupa. “Assim que eu coloco a fantasia nela, ela começa a se acalmar. 

Tem alguma coisa nessa fantasia de pato que a acalma. Ela entre em um transe. Fecha os olhos e fica completamente fora do ar”, contou a dona. [ Diário de Biologia ] [ Fotos: Reprodução / Diário de Biologia ]

Nenhum comentário:

Postar um comentário