terça-feira, 4 de julho de 2017

Após prisão de Geddel, Zé de Abreu lembra diálogo

Foto: Reprodução / Twitter
O ator José de Abreu lembrou nesta segunda-feira (4), em seu perfil do Twitter, do diálogo que teve há cerca de dois anos com o ex-ministro Geddel Vieira Lima, que foi preso nesta segunda-feira (4). Ele perguntara ao baiano, também pelo Twitter, quando ele iria para a cadeia. “Só se for para visitar sus [sic] mãe”, respondeu o peemedebista. O ator então, nesta segunda, republicou a conversa: “Demorou quase 2 anos!”. A um internauta que também citou a discussão, ele informou que a mãe já está morta e aproveitou para alfinetar Geddel. “Minha mãe morreu há alguns anos, com 103. acho que ele não chega lá, a vida da cadeia é meio insalubre”. Zé de Abreu ainda fez outros tuítes sobre o assunto. “O Geddel que, perguntado aqui como era ocupar o governo com um golpe de Estado, respondeu ‘bacana’?”, apontou. O global ainda ressaltou a existência de provas contra o ex-ministro. “’Prenderam o Geddel? Aguardem “PT pede discurso de perseguição’. Não, queridxs, tem PROVAS contra ele”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário