sábado, 17 de junho de 2017

Temer vai processar Joesley Batista

“Suas mentiras serão comprovadas e será buscada a devida reparação financeira pelos danos que causou, não somente à instituição Presidência da República, mas ao Brasil. O governo não será impedido de apurar e responsabilizar o senhor Joesley Batista por todos os crimes que praticou, antes e após a delação”, diz a nota que o presidente Michel Temer divulgou hoje. Ela foi movida pela entrevista que Joesley Batista deu à revista Época.
Além das acusações, Temer também citou que o empresário está estrategicamente protegendo o PT e o ex-presidente Lula. E falou sobre o acordo de delação: “[Joesley] obtém perdão pelos seus delitos e ganha prazo de 300 meses para devolver o dinheiro da corrupção que o tornou bilionário, e com juros subsidiados. Pagará, anualmente, menos de um dia do faturamento de seu grupo para se livrar da cadeia. O cidadão que renegociar os impostos com a Receita Federal, em situação legítima e legal, não conseguirá metade desse prazo e pagará juros muito maiores.” Leia a nota na íntegra: Leia Mais »

Nenhum comentário:

Postar um comentário