segunda-feira, 19 de junho de 2017

Os verdadeiros engavetadores-gerais da República: PP, PT, PMDB e PSDB

No sábado (17), o Painel da Folha noticiou que Aécio Neves engavetou um manifesto elaborado em abril pelo PSDB paulista que expressava “a indignação da sociedade diante da trama que uniu empresários inescrupulosos e políticos corruptos”.

“São práticas”, dizia o texto, “com as quais o PSDB jamais compactuou”.

Neste domingo (18), O Globo noticia que, nos três anos da Lava Jato, 98 integrantes de PP (38), PT (25), PMDB (22), PSDB (13) — os quatro partidos com mais implicados — foram citados em delações, “mas as legendas fecharam os olhos para praticamente todas as denúncias relatadas”, com uma atuação quase nula dos órgãos internos destinados a fiscalizar a ética de seus membros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário