segunda-feira, 12 de junho de 2017

Mercado financeiro projeta inflação zero para junho

Mês deve terminar com preços médios sem qualquer alteração para o consumidor
Foto: Tony Winston/Agência Brasília
Junho deve ser um mês de alívio para o bolso dos consumidores. De acordo com uma pesquisa do Banco Central, pode ser o mês com menor inflação desde 2006. A expectativa dos analistas é de que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) desacelere e que os preços, na passagem de maio para junho, fiquem estáveis, sem qualquer alteração.

Os dados são do Boletim Focus, uma publicação semanal, editada pelo BC, e que reúne as projeções de cerca de 100 analistas do mercado financeiro. A pesquisa mostra ainda que o mercado financeiro está cada vez mais otimista com o custo de vida no Brasil em 2017.

Nesta semana, a expectativa dos analistas para o IPCA do ano melhorou de 3,90% para 3,71%. Caso esse número se confirme, será a menor inflação desde 2006, quando o indicador havia ficado em 3,14%. Esse levantamento mostra ainda que o otimismo desses especialistas também vale para 2018.

IPCA 2018
Para o próximo ano, a expectativa é de que o IPCA fique mais uma vez em níveis confortáveis para o bolso das famílias, em 4,37%. Essa projeção para 2018 tem melhorado gradualmente. Há uma semana ela era maior, estava em 4,40%.  Fonte: Portal Brasil, com informações do Banco Central e do IBGE

Nenhum comentário:

Postar um comentário