quarta-feira, 28 de junho de 2017

Após pressão de Romero Jucá, Renan Calheiros deixa liderança do PMDB no Senado

Foto: Divulgação
Depois do senador Romero Jucá (PMDB-PB) garantir o apoio da bancada do partido para tirar Renan Calheiros (PMDB-AL) da liderança do Senado, o peemedebista alagoano decidiu abandonar o cargo. A informação é da coluna de Lydia Medeiros, de O Globo. Apesar de correligionário, desde o início do ano, Renan impõe resistência a Michel Temer, principalmente em relação às reformas propostas pelo governo. De acordo com a publicação, Renan e Jucá ainda discutiram na sessão desta terça (27) porque o até então líder da bancada no Senado queria trocar integrantes da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que votará a reforma trabalhista nesta quarta-feira (28). BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário