quarta-feira, 29 de março de 2017

Adriana Ancelmo é levada para cumprir prisão domiciliar no Rio de Janeiro

Foto: Reprodução / TV Globo
A ex-primeira-dama do estado do Rio de Janeiro, Adriana Ancelmo, deixou o presídio de Bangu 8 na noite desta quarta-feira (29) e foi levada por agentes da Polícia Federal para cumprir prisão domiciliar. Ela estava na unidade prisional desde o dia 17 de dezembro e responde por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. O Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu o benefício a Adriana Ancelmo na última sexta-feira (24), sob a condição de que a casa não tivesse telefones fixos nem celulares e acesso à internet. A ex-primeira dama foi hostilizada na saída do presídio por familiares de presos e na frente da sua casa por manifestantes. BN
TN: Pronto, agora vamos pedir que os promotores públicos do país, entrem com ações coletivas para que as outras mães que tenham filhos pequenos cumpram prisão domiciliar assim como esta cidadã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário