sábado, 26 de novembro de 2016

A ciência chega perto de desvendar o orgasmo feminino

É mulher e já teve um orgasmo? Tem certeza? Como as mulheres sabem se estão tendo um orgasmo? Embora essas perguntas possam parecer óbvias, não são. Tanto que a neurocientista Nicole Prause está desafiando os tabus da pesquisa sexual para desvendar essa e outras questões sobre o orgasmo feminino.

Segundo informações do jornal britânico The Guardian, no incipiente campo da pesquisa do orgasmo, enquanto entre os homens há um claro feedback fisiológico na forma de ejaculação, a maior parte dos dados femininos baseia-se em auto-relatos. os quais, por sua vez, são muitas vezes discrepantes dos sinais físicos apresentados. Foto: Reprodução

Afinal, como uma mulher tem certeza que chegou ao clímax? Já parou para pensar que a sensação associada ao clímax seja apenas um dos primeiros sinais de excitação?

Diante dessas dúvidas e após seus projetos de pesquisas sobre o assunto serem recusados em diversas instituições, Nicole decidiu estudar os mecanismos do orgasmo em seu próprio laboratório. Ela espera que uma melhor compreensão do que acontece no corpo e no cérebro de uma pessoa durante a excitação e o orgasmo ajudem no desenvolvimento de dispositivos que consigam aumentar o desejo sexual sem a necessidade de medicamentos. LEIA TUDO AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário