quarta-feira, 29 de junho de 2016

Itamaraty diz não ter registro de brasileiros entre vítimas em Istambul

O Ministério das Relações Exteriores informou nesta terça-feira (28) que, até o horário de publicação desta reportagem, não havia registro de brasileiros entre as vítimas de duas explosões ocorridas à tarde no terminal internacional do aeroporto de Istambul, o maior da Turquia. Ao menos dez pessoas morreram, de acordo com o ministro da Justiça turco, Bekir Bozdağ, que confirmou as mortes à agência Reuters e à CNN. A assessoria de imprensa do Itamaraty informou que um consulado brasileiro na cidade está mobilizado para atender a comunidade brasileira e permanece em contato com autoridades locais para obter informações. Em geral, policiais e bombeiros inicialmente fazem a "pacificação" do local para depois começarem a identificar as vítimas. “A principal preocupação do consulado é receber notícias de brasileiros”, afirmou a assessoria. O ministro da Justiça da Turquia disse ainda que os responsáveis pelo ataque ao aeroporto Ataturk abriram fogo usando rifles Kalashnikov e que há cerca de 20 feridos. À agência Reuters, um oficial turco não identificado diz que dois homens-bomba causaram as explosões. Eles teriam detonado os explosivos antes de passar pelo raio X do controle de segurança do aeroporto. Ainda segundo a agência, policiais também atiraram para tentar neutralizar suspeitos. O aeroporto foi fechado, e a entrada e saída de pessoas foi interrompida. Alguns voos que deveriam pousar no local foram desviados. (G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário