segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Mineiros presos após acidente no Ártico da Rússia têm morte declarada

Os 26 mineiros que ficaram presos em uma mina de carvão no norte da Rússia acima do círculo Ártico morreram e operações de resgate foram interrompidas depois de uma terceira explosão subterrânea ter matado vários membros da equipe de resgate, disseram serviços de emergência neste domingo.

O governo admitiu neste domingo (28) a morte dos 26 mineiros, onde outros seis operários morreram na madrugada durante a operação fracassada de resgate.

"Há muitos mortos. Não há esperança de que as 26 pessoas que estão na mina estejam vivas. Podemos dizer que as vítimas mortais chegam a 36", disse Arkadi Dvorkovich, vice-primeiro-ministro russo.

Além dos 26 mineiros soterrados e dos seis operários dos serviços de emergências, outros quatro trabalhadores já tinham morrido desde que o acidente aconteceu, na quinta-feira (25).

"Estamos diante de uma grave tragédia para a Rússia e para nosso setor do carvão", ressaltou Dvorkovich. Leia AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário