segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Medida indecente

O Estadão trata em editorial da medida provisória indecente que empurra goela abaixo do país acordos de leniência que visam apenas a salvar o caixa das empreiteiras do petrolão.
Eis um trecho:
“Alterar o marco jurídico dos acordos de leniência exige serena análise e, especialmente, isenção. Não raro, esses acordos envolvem grandes interesses econômicos. As investigações da Lava Jato, por exemplo, referem-se a algumas das maiores empresas brasileiras. Ora, o governo está enormemente fragilizado, com um pedido de impeachment em análise pela Câmara e sem conseguir aprovar os assuntos mais comezinhos. É hora de alterar, por medida provisória, esse tipo de matéria? Ainda por cima, boa parte das atuais investigações relaciona-se diretamente com o partido do governo. Assim, faltam ao Palácio do Planalto autoridade e isenção para editar uma medida provisória alterando as regras sobre acordo de leniência.” De O Antagonista

Nenhum comentário:

Postar um comentário