sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Rombos nas contas de Dilma podem chegar a R$ 117,9 bilhões

O Congresso Nacional pode autorizar o governo federal a fazer um déficit primário (resultado de gastos maiores que as receitas, sem contar o pagamento dos juros da dívida) de até R$ 117,9 bilhões este ano, o equivalente a 2,05% do PIB. O número foi apresentado ontem pelo deputado Hugo Leal (Pros­-RJ), relator do projeto de lei que altera, mais uma vez, a meta fiscal deste ano. As informações são do Estadão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário