segunda-feira, 30 de março de 2015

Sangue jovem pode ajudar idosos com Alzheimer

Foto: 13/Jochen Sands/Ocean/Corbis
Cientistas da Universidade de Stanford começaram a testar em humanos uma técnica revolucionária contra o Alzheimer.
É a transfusão de sangue de pessoas jovens para idosos, portadores da doença.
Os cientistas estão esperançosos: a injeção poderia reverter alguns dos danos causados pela doença e melhorar a saúde de órgãos, incluindo o cérebro, como aconteceu nos testes anteriores feitos com ratos.

O pesquisadores estão fazendo transfusões de plasma de sangue, desde outubro do ano passado.
Eles usam sangue de doadores com menos de 30 e aplicam em voluntários com doença de Alzheimer leve.

"Vamos avaliar a função cognitiva imediatamente antes e durante vários dias após a transfusão, bem como o acompanhamento de cada pessoa por alguns meses para ver se algum de seus familiares ou cuidadores relatam quaisquer efeitos positivos," disse ele à New Scientist. Leia mais aqui em http://sonoticiaboa.band.uol.com.br/noticia.php?i=6586

Nenhum comentário:

Postar um comentário