sábado, 28 de fevereiro de 2015

Morre um dos gêmeos siameses separados por cirurgia em Goiânia; "Um pedaço de mim se foi", afirma pai

Foto: Reprodução
Um dos gêmeos siameses, de cinco anos, separado por cirurgia realizada na última terça-feira (24), em Goiânia, não resistiu ao procedimento e morreu na madrugada deste sábado (28). Arthur Brandão morreu após sofrer paradas cardíacas, informou Hospital Materno Infantil (HMI) de Goiânia.

Seu irmão, Heitor Brandão, permanece internado em estado grave. Ele apresenta febre e respira com a ajuda de aparelhos. As crianças, que eram unidas por parte do tórax, abdômen e bacia, são filhos de um casal de professores baianos que moram na cidade de Riacho de Santana, no estado da Bahia.

No Facebook, o pai dos gêmeos, Delson Brandão, fez uma homenagem ao seu filho e afirmou que este é o momento mais doloroso de sua vida. "Eu só queria dizer a você filho amado, muito OBRIGADO! Você cumpriu sua missão aqui na Terra. Você assim como seu irmão HEITOR veio para transformar nossas vidas. Graças a você filho ARTHUR, que nossa família é uma FAMÍLIA", afirmou o pai muito emocionado, em sua página na rede social.

Nenhum comentário:

Postar um comentário