terça-feira, 30 de setembro de 2014

Presos no Rio mais dois policiais acusados de participar de esquema de propina

O capitão da Polícia Militar (PM) do Rio de Janeiro Diego Soares Peixoto, lotado no 3º Batalhão (BPM), no Méier, zona norte da cidade, e o sargento PM, Romildo Rodrigues Silva, que trabalhava no Comando de Operações Especiais (COE) foram presos hoje (29) à tarde por agentes da Subsecretaria de Inteligência da Secretaria de Estado de Segurança (Seseg), com apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) para o cumprimento dos dois mandados de prisão.

Segundo informação da Seseg, foi um desdobramento da Operação Amigos S.A, que apontou a participação dos dois na associação criminosa armada, formada por outros policiais militares denunciados e presos no dia 15 deste mês, acusados de integrar o esquema de cobrança de propina na área do 14° BPM (Bangu). A Operação Amigos S.A indicou que os policiais recebiam pagamentos de mototaxistas, empresas - principalmente transportadoras de pessoas e cargas -, instituições financeiras e ambulantes do bairro de Bangu e adjacências, na zona oeste. LEIA MAIS AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário