terça-feira, 31 de dezembro de 2013

BA: Assembleia Legislativa fecha o ano sem aprovar orçamento 2014 para o Estado

Com uma grande base de deputados, o governo teve um ano de êxitos no Legislativo baiano ao passar a maioria dos projetos enviados à Casa, mas em quatro anos essa é a primeira vez que o Executivo fecha o período sem ter aprovada a proposta orçamentária do estado para 2014. Diante da falta de acordo entre as bancadas de situação e oposição, a matéria será apreciada em primeiro turno no dia 7 de janeiro e, em segundo turno, no dia 21 do mesmo mês. Em consequência do impasse, o recesso parlamentar vai ser adiado para o fim de janeiro e será de 10 dias. O presidente da Casa, Marcelo Nilo (PDT), avisou que não vai haver remuneração extra. O governo tem como desafio na próxima semana buscar votar também a autorização para liberação dos recursos dos royalties do petróleo, com a garantia de receber as verbas até dezembro de 2018. Wagner quer utilizar o recurso também para capitalizar o fundo previdenciário dos servidores aposentados da Bahia, cujo rombo pode chegar a R$ 2,3 bilhões, em 2014. Leia mais AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário