sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Juizes acabam com privilégios dos criminosos do PT encarcerados na Papuda

A Vara de Execuções Penais do Distrito Federal mandou três juízes até o presídio da Papuda, Brasília, a fim de apurar as condições de encarceramento dos 10 corruptos do Mensalão, inclusive os três líderes nacionais do PT, Zé Dirceu, Zé Genoíno e Delúbio Soares.
. Havia denúncias públicas de privilégios.
. Os três juízes constataram abusos e também um clima de revolta por parte dos demais presos.
. Em consequência, determinaram reforço do policiamento interno e externo, temendo uma revolta. Além disto, decidiram:
1) Os dez corruptos presos será tratados da mesma forma que são tratados os demais prisioneiros, sem privilégios de visitas e alimentação.
2) Determinaram a transferência de Simone Vasconcelos e Kátia Rabello, imediatamente, para a Penitenciária Feminina da Colmeia, no Distrito Federal.
. Nesta quinta-feira, também, o bandido Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT, pediu regime semi-aberto, porque conseguiu emprego de R$ 4 mil na CUT, braço sindical do PT e portanto aliada do criminoso.
 por Polibio Braga

Nenhum comentário:

Postar um comentário