quarta-feira, 30 de outubro de 2013

FMI divulgou um relatório com um balanço nada elogioso da economia brasileira

O FMI divulgou ontem um relatório completo sobre a economia brasileira, no qual demonstra preocupação acentuada com a política fiscal, a perda de competitividade, a baixa poupança doméstica, a inércia inflacionária e a relutância em fazer reformas estruturais e abandonar a política de estímulos do pós-crise.
Vamos concordar com o FMI dessa vez e falar rapidamente sobre essas questões.
A atual política fiscal brasileira é um horror amplamente conhecido. Noventa tributos diferentes, 40% do PIB sequestrado pelo governo e desrespeito à Lei de Responsabilidade Fiscal com maquiagens orçamentárias. O país, como um todo, perde credibilidade internacional por conta de um problema de gestão de governo, cuja responsável direta é a presidente. A transferência de parte das dívidas de estados e municípios, através de um truque contábil, para a União, apenas agrava esse cenário. http://adireitabrasileira.blogspot.com.br/2013/10/fmi-divulgou-um-relatorio-com-um.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário