quinta-feira, 30 de maio de 2013

GOV. MANGABEIRA-BA: Câmara aprova projeto que proíbe Embasa e Coelba de cobrar taxa de religação

O projeto do vereador Edgar Henrique Oliveira de Oliveira (PTB), proibindo as empresa Coelba e Embasa de cobrar taxa de religação de água e luz, foi colocado em pauta na sessão desta quarta-feira (29) e após ser discutida entres os vereadores, foi aprovado por unanimidade. Com essa Lei, as empresas a partir da próxima segunda-feira (03) não poderão mais cobrar pelo serviço, caso descumpram a medida serão primeiramente advertidas, continuando com desobediência poderão ser multadas em até cinco mil reais. Segundo o autor do projeto esses serviços são indispensáveis e a população não pode sofrer com medidas arbitrarias das empresas fornecedoras. “O cidadão já enfrenta as dificuldades do cotidiano e ainda têm que ser penalizados, pagando duas vezes por um serviço. Nenhuma pessoa deixa cortar sua água ou luz por vontade própria. Corta porque falta condições financeiras para pagar a conta, e depois que consegui os valores para quitar a dívida, ainda tem que pagar para religar.”- Destacou o presidente da Casa. “A Embasa e Coelba só poderão cobrar os valores dos recibos em atrasos, sendo que após quitados, o fornecimento deve ser ligado no prazo máximo de 24 horas. (Voz da Bahia).

Nenhum comentário:

Postar um comentário